facebooklikebutton.co

Costa Rica um paraíso

Costa Rica um dos países mais gay friendly das Américas! Leia Mais >>>

Kevin Zegers

O lindo de Os Instrumentos Mortais - Cidade dos Ossos Leia Mais >>>

 

Tipos de Penis – Qual é o seu?

Tipos de Penis

Há diversos tipos de penis e quando o assunto é esse, a coisa fica quente! Até porque a maioria dos homens não estão satisfeitos com o seu [sempre querem mais uns 2 ou 3 cms] e é na adolescência que as principais dúvidas sobre o assunto começam a surgir: Grande? Pequeno? Fino? Grosso? É normal? Por isso resolvi fazer um post sobre os tipos de penis!!!

O início do crescimento começa por volta dos 11 anos, e é também nessa época que os pelos pubianos (pentelhos) começam a aparecer e ocorrem as primeiras ejaculações, geralmente durante o sono, chamadas de polução noturna.. O crescimento continua até por volta dos 18 anos e o tamanho varia muito. Entre os adultos brasileiros a média é de entre 14 e 15 cm de comprimento e de 11 a 12 cm de circunferência (grossura).

Há cirurgias para o aumento peniano, mas seu efeito é limitado a 2 ou 3 cm a mais e como qualquer outro procedimento cirúrgico, há riscos e se algo der errado, pode ocasionar perda de sensibilidade ou função. É indicado apenas para casos de micro penis. Técnicas de aumento a vácuo e esticadores não são comprovados cientificamente, bem como os exercícios chamamos jelq.

Conforme podemos ver nas tabelas abaixo:

Tipos de Penis

Tipos de Penis

Confira alguns tipos de penis:

Tipos de Penis

Seu tamanho é inferior a 10 cm quando ereto. Algumas possíveis causas são a deficiência do hormônio do crescimento e/ou gonadotrofinas, pequenos graus de insensibilidade a andrógeno, diversas síndromes genéticas e diversas variações em genes homeobox. Alguns tipos de micropênis podem ser tratados com hormônio do crescimento ou testosterona no início da infância.

Tipos de Penis

Não importa se o pênis é grande ou pequeno, a questão é se ele tem menos de 8 cm ou menos de circunferência e nesse caso não há estudos que comprovem que algum tipo de exercício ou cirurgia surtirão efeitos para modificar a espessura.

Tipos de Penis

Acontece com muitos homens que não tem pênis muito grandes terem a grossura mais avantajada. Alguns gays [e mulheres] dizem que preferem necas grossas do que grandes para sexo anal, que a grossura estimula mais do que o tamanho em si.

Tipos de Penis

Não há motivos específicos para que os pênis tenham veias muito aparentes. Elas fazem parte da estrutura do pênis, e são apenas mais uma característica sem co-relação com desempenho ou algo do gênero. Em homens com pele clara as veias podem ficar mais evidentes.

Tipos de Penis

 Esse tipo de pênis não é tão comum assim. É quando a glande tem tamanho muito grande, dando ao membro uma aparência de cogumelo. Nunca vi um desses ao vivo, mas uma amiga me contou que o ex-namorado dela (Lindo por sinal), tinha um assim. Pior é saber das particularidades dele, né???

Tipos de Penis

Ter uma curvatura de até 30° é extremamente normal, seja para direita ou esquerda. Isso se deve muito pela forma como o amigo é guardado na cueca, viu??? Se o desvio for de mais de 45° há cirurgia para correção, mas é mais indicada quando o homem sente desconforto na hora de transar. Há uma síndrome chamada Peyronie que é uma disfunção do tecido conjuntivo formando placas fibrosas e atinge cerca de 2% da população mundial. Pode causar dor, endurecimento, lesões ou curvatura anormal do pênis quando ereto.

Tipos de Penis

A fimose é a incapacidade do homem expor a glande quando ereto e acontece quando o anel que forma o prepúcio é muito estreito, mas pode ser facilmente corrigida através de cirurgia. O caso só se complica quando acontece a parafimose, onde a glande é exposta mas o estreitamento no prepúcio impede que seja recolhida, levando ao estrangulamento da glande, ou quando impede a higiene adequada, levando a uma propensão a infecções. Em casos graves pode levar a gangrena se não for realizado um socorro especializado.

Tipos de Penis

Pênis onde o prepúcio recobre totalmente ou parte da glande, mas não há estreitamento da pele. A glande pode ser exposta com ajuda ou não da pessoa. Deve-se tomar cuidado com a higiene, assim como nos casos de fimose, e manter o prepúcio sempre limpo para evitar infecções. Para homens que desejam fazer a cirurgia de postectomia (circuncisão) é bom lembrar que, fazer a cirurgia depois de adultos pode ocasionar a perda de sensibilidade e o ressecamento da glande.

Tipos de Penis

O sonho de todo homem!!! Qualquer pênis com mais de 17 cm é considerado grande para os padrões brasileiros.Alguns mitos dizem que há relações com o tamanho da mão, pés ou nariz, mas nenhum estudo até hoje comprovou quaisquer relações com outros membros. Você tem um maior do que 17 cm? Então sinta-se um felizardo porque a porcentagem de homens que têm esse tamanho de pênis no Brasil é de apenas 5%.

Da mesma forma que outras características, o pênis nos é apresentado em suas mais variadas formas, mas como diria o velho ditada: ‘Não importa o tamanho [e forma] da varinha, e sim a mágica que ela faz’!!!

Gostou desse post sobre tipos de penis? Agora responda, qual é o seu?

18 Responses to Tipos de Penis – Qual é o seu?

  1. Felipe says:

    Peagá faltou uma coisa, dizer em qual opção você se encaixa! HAUHAUHUHA

    • Ah, não tenho vergonha de dizer em qual me encaixo.
      Estou acima da média, um pouco abaixo do MACRO PENIS!!!. Não é um ‘SUPER PENIS’, mas dá bem pro gasto!!!
      ahuAUHAUHUHAAHuHAuHUahauahuHAuAhuAhuhauAhuAUHUAHAHUUHAAHU

  2. says:

    Já fiquei com um macro pênis e não é legal, algumas posições dói, além da dor no dia seguinte. Mas no geral, acredito que os brasileiros estão na média.
    Adorei o texto.
    bjs
    @sexoyrocknroll

  3. [...] Do que os gays gostam – Tipo de pênis [...]

  4. [...] Do Que Os Gays Gostam – Tipos de Pênis [...]

  5. Evandro says:

    O meu é grande, grosso e nao circuncidado 19,20cm
    tomo muito cuidado ao penetrar e sou muito carinhoso tambem…
    com jeitinho sempre é bom.

  6. [...] O orgasmo anal nada mais é que sentir muito prazer fazendo sexo anal, com ou sem estímulo do pênis! [...]

  7. Ludi Souza says:

    adoooroo

  8. jovem says:

    Olá,

    Sou gay e gostaria de compartilha um pouco da minha experiência no assunto (frustração quanto ao tamanho do meu pênis) com vocês. Sei que, para algumas pessoas, sofrer por isso pode parecer algo meio fútil ou mesmo inútil (visto que atualmente não existe muito que se possa fazer pra mudar o tamanho do nosso amiguinho). Mas quero esclarecer que esse sofrimento é real e que a preocupação quanto à capacidade de satisfazer sexualmente seu parceiro ou parceira é algo que assombra e deprime muitos homens! Basta dizer que esse é um dos temas mais perguntados em sites de sexólogos e razão de muitas consultas a urologistas!

    Falando em medidas, o meu pênis mede 15 cm de comprimento por 12 cm de circunferência (sei que está dentro da média das pesquisas srrsrs). Todavia, confesso que também sou complexado com a questão e que, por mais que tente me convencer de que isso é bobagem, a insegurança está sempre lá espreitando.

    Para vocês terem noção do quanto é forte o estigma, só preciso dizer que
    estou sempre procurando informações sobre o tema, como se necessitasse estar sempre ratificando para mim mesmo que tamanho não é documento. Isso aconteceu hoje, por exemplo! srrs

    No fundo, acho que se trata de um padrão de comportamento obsessivo, em que constantemente busco alívio para uma angustia que (por melhor que seja o argumento utilizado para confirmar a afirmativa de que tamanho não é o principal), jamais é exterminada.

    Aprendi em terapia que todos nós reproduzimos padrões comportamentais ao longo da vida que tem como fundo pensamentos automáticos e emoções que muitas vezes nos são inconscientes e desencadeiam tais comportamentos.Aprendi também que temos sempre a tendência a buscar indícios na realidade externa que confirmem esses pensamentos automáticos e os fortaleçam corroborando para a reprodução dos mesmos comportamentos que nos trazem sofrimento. Vira um ciclo vicioso!

    Quero destacar minha percepção de que, no universo gay ou heterossexual, o que não falta é estímulos que atingem a gente lá no nosso subconsciente, deixando sempre aquela pulga atrás da orelha que nos diz: TAMANHO IMPORTA!

    Essa mensagem é veemente reproduzida pela indústria pornográfica que, com seus atores e cenas espetaculares, fabrica um modelo de sexo que alimenta nossas fantasias e desejos, mas que, convenhamos, está a anos luz de distância da realidade de muitas pessoas, seja porque não possuem o belo físico dos atores e atrizes ou mesmo porque não apresentam aquele desempenho nas relações (não gemendo igual, não urrando de prazer enquanto recebe um pênis de 20 cm no ânus ou vagina, etc).

    A verdade é que, no fundo, todos nós sabemos que sexo é sexo e pornografia é pornografia. O problema é que, assim como muitas mulheres querem ter as medidas de cintura das modelos de capa de revista (mesmo sabendo do photoshop e da anorexia), a verdade é que nós (homens e mulheres) sempre criamos certa expectativa de que o sexo real seja, pelo menos, um pouco parecido com o que vemos no filme pornô.

    Beira ao frustrante quando percebemos que, na vida real, um pênis de 20 cm no ânus pode trazer dor e não prazer e que o ânus ou vagina do parceiro apresenta odores, ou que, quando o cara introduz o pênis no parceiro ou parceira, eles não necessariamente vão gritar como atores pornôs, etc. A questão é que cada um de nós também traz escondido lá na sua cabecinha suas construções e expectativas quanto a um sexo fenomenal. kkkkkk

    Honestamente, eu acredito (falo isso por experiência própria) que esse desejo de se aproximar do ideário reproduzido pela indústria pornográfica quanto à associação de prazer sexual à tamanho do órgão genital masculino causa danos ainda maiores naquelas indivíduos que já apresentam uma certa insegurança e problemas relacionados a rejeição.

    O negócio é tão doido que tratando de minha experiência pessoal, eu, particularmente, reconheço que fatores (como tesão pela pessoa, entrosamento, qualidade do beijo, toque, desejo, carinho, cheiro, dentre outros) sempre foram muito mais fundamentais para uma transa legal do que o próprio pênis em si. Claro que eu gosto de pênis (gosto de vê-lo, tocá-lo, senti-lo em mim, etc). Entretanto, para mim, pelo menos, o interesse pelo parceiro sexual transcende a importância do pênis em si.

    Quero destacar que, ainda assim (mesmo reconhecendo tudo que disse no parágrafo anterior), quando entro no âmbito da auto-avaliação quanto a minha capacidade de dar prazer e de me ser desejável em uma relação sexual, não deixo de me angustiar pelo fato de não ter o pênis dos meus sonhos (ou melhor, um pênis de tamanho máster, como o dos atores pornôs).

    Porra! Espera ai..Se reconheço tudo o que disse sobre os fatores que importam pra mim na qualidade de uma relação sexual e sei que sou uma pessoa medianamente bonita, tenho um corpo espetacular ( e isso não é falta de modéstia, pois realmente tenho um físico bem atlético), sou uma pessoa bacana, estudada, com papo legal, me interesso pelo meu parceiro na cama (tenho tesão em oferecer e receber prazer dele), etc. Por que então a angustia quanto a tamanho do meu pênis me afetaria a tal ponto de me impedir de me entregar por inteiro numa relação pelo simples medo de não ser capaz de dar prazer a meu parceiro? Parece contraditório? Mas quem foi que disse que nossas emoções, medos e inseguranças são sempre lógicos, ehn? E as distorções cognitivas que cometemos o tempo todo pela vida a fora e que vão justificando nossos padrões de comportamentos neuróticos, ehn…Não contam?!

    Mas a pergunta que não quer calar é a seguinte: se um bom sexo é composto de tantos fatores, porque, então, um ideal de tamanho perfeito de pênis assombra a mim e a tantos homens?

    Ai vem o que eu falei um pouco acima! Acho que no fundo, o problema não está no tamanho do pênis, mas na insegurança, no medo de rejeição, dentro outros medos que estão lá determinando nossos comportamentos e bloqueando uma ação diferente da nossa parte. Penso até que se a questão não fosse o tamanho do pênis, talvez a gente inventasse outra paranóia para nos bloquear. Rsrsrs

    Quero ressaltar que não sou psicólogo! Estou dando um depoimento pessoal e revelando um pouco da minha percepção sobre esse conflito interno que aflige a mim e a muitos outros homens (homossexuais ou heterossexuais).

    Espero que consiga ajudar algum leitor a perceber que não adianta muito ficar martelando em cima da mesma tecla e sofrendo por uma questão como essa. Acho que o fundamental mesmo é cada um tentar se conhecer melhor, entender quais os pensamentos, emoções que estão ali fazendo a gente se maltratar (nesse caso específico, impedindo a gente de se sentir confiante de que, independente do tamanho do nosso pênis, somos, sim, capazes de dar e receber prazer, satisfazendo qualquer parceiro ou parceira que esteja disposto a entrar de cabeça no sexo conosco). Acho importante a gente ir tentando flexibilizar certas leituras que fazemos sobre o sexo e sobre nós mesmos. Não estou afirmando que é fácil. Eu bem sei o quanto é difícil superar inseguranças! Mas acho que esse é uma boa alternativa contra a frustração!

    Quem quiser mais informações sobre o tema, procure no google o documentário britânico: My penis and everybody else`s ( é bem legal!).

    Abração

  9. Anonymous says:

    vou responder ,assumo mesmo,não devo nada a ninguém.o meu é o pequeno grande.(curto e grosso),e até hoje nenhuma mulher reclamou.(eu acho kkkk)

  10. […] Depois disso ele mudou bastante. Não tem mais crises de ciúmes, está mais tranquilo inclusive no sexo. Não transamos mais faz um bom tempo! A desculpa é que sou muito dotado, mas desde sempre tenho esse tamanho de pênis. […]

  11. […] diversos tipos de pênis: grande, médio, pequeno, grosso, fino, veiudo ou cabeçudo, mas de uma coisa pode se ter quase […]

  12. anonymus says:

    tenho um penis de 16 cm…não sou gay mas gosto de homem e de mulher numca tranzei com uma mulher mas quero porem já tranzei com um amigo e gostaria de fazer de novo mas ninguem que

  13. Catuchipa says:

    Bem, na minha percepçao o meu parece pequeno, mas se for levar em consideraçao esse artigo, tenho um “grande”, olha tenho 1,94 de altura e 19 cm .

Leave a Reply

Facebook

Twitter