facebooklikebutton.co

Tag Archives: tímido

Um jovem contra a timidez

 Como vencer a timidez e aproveitar um encontro?

Timidez

Conheci um garoto essa semana, ficamos duas vezes. Eu sou muito tímido, fiquei com poucos caras na vida. Já ele teve bastante namorados (tenho 22, ele 18). Ele é lindo, até demais, e parece ser do tipo que não perde tempo. E é isso que me preocupa, vejo que não ta rolando. Nas duas vezes broxei, e to sentindo que posso não ter outra chance. Na primeira vez em que nos encontramos, conversamos muito, ele disse que tava procurando um namorado e tal, já eu nem tava pensando nisso. O problema agora é que eu to gostando dele, e sei lá, acho que não demonstrei isso. Será que devo pedir pra encontrar com ele, ou, caso ele peça, aceitar mais um encontro? E se acontecer de novo, como faço pra ser bom? E, na pior das hipóteses, como esqueço o cara de vez?

 Rafael M.

Definitivamente, estou em um mundo de Rafaéis. Semana passada respondi para um Rafael e agora outro. Enfim, Rafael de hoje, respira fundo que você está bem doidão! Melhor não comer mais doce, e praticar meditação e/ou Ioga, que tudo vai dar certo no final, fiote!

  1. Se você quiser muito encontrar com o cara, e pretende fazer mais do que babar, gaguejar e tremer de medo, o chame sim.
  2. Se ele te chamar, e você quiser ir, vá.
  3. Se o encontro acontecer de novo, demonstre interesse, beije com vontade, ouça o que o cara fala e partilhe com ele coisas que têm a ver com o que conversam, e pelas quais você passou ou quer passar… Enfim, converse e aja normalmente.
  4. Como esquecer o cara de vez? Isso é mais fácil do que parece… Se você gosta de alguém que não gosta de ti, o que deve fazer? Nada. Ou melhor, faça como a Dory, de Procurando Nemo, e continue a nadar, continue a nadar, continue a nadar… A vida segue.

Menino, viva sem afobação! Eu fiquei zonzo só de ler seu e-mail. Parecia que o mundo ia ser invadido por alienígenas e o único modo de acabar com eles era atirando com sua metralhadora de perguntas! O.O

Menos preocupação, mais ação. E, se brochar, tente novamente até não brochar mais. Se ficar ansioso demais, pode brochar, então, não fique. Respire fundo, e curta o momento! Que momento? TODOS eles, oras!

Sobre sua timidez: já demos algumas dicas de como deixar de ser tímido em paqueras na boate, que podem te servir. Se não for o bastante, aqui tem mais algumas sobre como perder a timidez, ARRASE!

Beijas, L^^e!

Quero conquistar o cara da escola…

Como conquistar o cara que troca olhares comigo?

olhar gay

“Um dia eu fui ao pátio aí meu amigo me mostrou um cara e falou que ele era gay e tals, e ele me perguntou se eu queria conhecer o cara, e eu disse que sim. Depois disso, eu e o cara trocamos olhares sempre que estamos por perto. Só que está muito difícil eu tentar falar com ele, tipo trocar ideias, porque sempre tem as amigas dele do lado e eu fico muito tímido quando tem pessoas do lado, sabe? Quero privacidade com ele pra eu tentar conquistá-lo. Como faço? E também eu gostaria de ajuda no que eu faço para conquistá-lo? Como irei chegar nele? Eu nunca fiquei com nenhum homem, nem nenhuma mulher. Estou muito interessado nesse cara e gostaria da ajuda de vocês”.

Vini, 16 anos, SP.

Oi, Vini! Parabéns, acho que está no caminho para conquistar esse cara.

Seguinte, não tenho uma dica que fará dar certo conquistar o cara, porque cada pessoa é diferente e o que eu fiz para conquistar TODOS os TRÊS homens que conquistei na vida pode não servir para você. :p

Se não rola de ficar sozinho com ele, fique amigo das amigas dele, daí será mais normal que fiquem todos juntos no “recreio” e, naturalmente, passará mais tempo com ele, até que ambos estejam acostumados com a presença um do outro e bom e tenham algo em comum.

Com a convivência você vai acabar descobrindo mais sobre ele e poderá acabar o conquistando, pois saberá do que ele gosta etc…

Na real, conquistar as pessoas não é difícil, todo mundo quer atenção, carinho e saber que alguém se importa com o que sentimos, pensamos e dizemos… demonstrar interesse já é um grande diferencial.

Boa sorte!

Beijas, L^^e!

Como saber se ele é gay ou não?

Saber se alguém que você paquera é gay é quase mais importante do que saber seu próprio nome

gay

“Oi gente!

Tem um cara novo na minha escola e aconteceram algumas trocas de olhares durante os intervalos. Todo dia. Alguns deles duraram até uns dois ou três e outros duraram por uma fração de segundo. Algumas vezes quando ele percebe que eu estou olhando ele desvia o olhar. Ele aparenta ser gay, só anda com meninas, e tudo mais.

Eis o problema: Ele é tímido, e eu também. Então a gente fica só nos olhares e nunca sai disso. Uma vez quando eu fiquei bem perto dele a gente ficou mexendo no celular o tempo inteiro e nem nos olhamos direito. Estou muito afim dele, mas não sei o que fazer pra rolar. Ele é novato, tímido, nós nunca conversamos, a cidade é pequena… É bem complicado, eu já tentei um sorriso mas não rolou direito. Mas poxa, se ele desse um sorriso eu já saberia melhor o que fazer. Como lidar?

Guga
gay
Oi, Gugalicious, tudo bem?

Seguinte, não existe uma fórmula certa para saber se o cara é gay ou não. E nem se ele está afim de você ou não. O ser humano é doido. Às vezes um cara te olha porque gostou da sua camiseta, do seu óculos, enfim, a gente tende a projetar nossos desejos nos outros. O mais seguro para não levar um fora, principalmente porque a cidade é pequena, é ir com calma.

Okay, os dois são tímidos, mas, infelizmente, por mais que a gente ame que alguém tome a atitude em nosso lugar, como foi você quem escreveu para cá, sou obrigado a te dizer: “DEIXA DE SER MOCINHA E TOMA LOGO A INICIATIVA“.

Não precisa grudar o menino na parede e tascar beijo na boca. Apenas diga “oi”. No dia seguinte diga “oi, tudo bem?”. Não faça as coisas com segundas intenções, esse é o maior problema dos tímidos, ficam presos a intenções e acabam travando e se podando por medo de levar um fora. Tenha em mente o seguinte: “não sei se ele é gay, mas quero conhecê-lo, então, o jeito mais fácil de chegar é sem segundas intenções. Vamos fazer amizade”. Já que ele não desgruda do celular, procura saber de algum app pro celular dele e pergunta se ele tem, se é bom. Fala do aparelho.. é igual ao seu? O que ele mais gosta do aparelho? Puxe assunto…

Aja naturalmente. Se ele for gay, você vai descobrir com o tempo, quando ele confiar em ti e se ele tiver interessado, bom, daí sim você taca na parede e dá uns beijos. Mas não se afobe, primeiro passo é fazer amizade, conhecer… depois disso você pensa em avançar o sinal e transformar a amizade em algo a mais.

Beijas,
L^^e!))).

Por que me senti mal ao assumir minha sexualidade?

Sou novo demais para me assumir? O que me faz sentir mal ao compartilhar minha sexualidade?

2012-02-14-matt-domer-gay-02

Indo direto ao assunto: contei para um amigo que sou gay pelo Face. Ao fazer isso, esperava que ia me sentir melhor, mas o efeito foi o contrário: entrei em desespero, passei o dia sentindo uma angústia horrível, mesmo ele tendo me dito que me respeita e que isso não irá alterar a amizade. Sou muito tímido, não sei de onde tirei coragem para fazer isso e não esperava que a minha reação fosse desse jeito. Qual vocês acham que é a causa desses sentimentos? Eu ainda não estava pronto para me assumir? Ainda não me aceito? Sou muito jovem? A timidez tem alguma relação com isso? Obrigado por lerem meu depoimento, espero poder me livrar desses sentimentos ruins.

Pedro, 16 anos, Pernanbuco

oioioi

Leandro Lan Responde:

oioioi

Oi, coisa mais rica e linda de Pernambuco! Não acho que o problema em se sentir mal ao contar para seu amigo que você é gay venha do fato de ser tímido. E bom, o simples fato de se abrir com ele já diz que você, de alguma maneira, já se aceita como gay. Pela minha experiência anciã na terra, a gente primeiro trabalha este fato internamente, antes de contar para alguém isso que achamos ser “uma terrível verdade”.

Na realidade, o que te faz sentir assim pode ser o seu inconsciente. Crescemos num mundo onde o normal é ser hétero, namorar, noivar e casar com mulheres. Comprar casa, ter filhos, ver os filhos crescerem e passarem pelo mesmo processo que passamos. Ser gay contradiz tudo isso que a sociedade nos ensina. Por isso essa sensação ruim, de estar fazendo algo errado. (Mas, ainda assim, podemos casar e constituir família, uma diferente do que o que a sociedade espera, mas igualmente feliz).

Já que a sociedade não te diz isso, eu digo: VOCÊ ESTÁ NO CAMINHO CERTO! O próximo passo é ser você mesmo e não ser o que os outros esperam que seja. Você é o Pedro, filho, amigo, estudante, leitor do Do Que Os Gays Gostam e tantas outras coisas… além de ser gay. Não deixe que te definam apenas como gay. E mantenha a amizade com esse seu amigo. Ele me pareceu ser gente boa. A cada pensamento negativo que tiver pelo fato de ser gay, reprima o sentimento ruim e pense: sou um ser humano acima de tudo e não existe nada de errado em ser gay.

Logo passará a ver sua orientação sexual como algo natural e não uma anormalidade. Mesmo que o mundo veja de outro modo, o importante é você se aceitar e se amar como é.

Boa sorte!

Beijas,

L^^e!))).

Não tenho com quem conversar. Sou muito tímido!

Meninos, sei que vocês recebem muitos elogios ao blog, mas n é a toa. Vocês são a luz no fim do tunel. Um site completo, destinado aos gays mais noobs até os mais baladeiros. ESTÃO DE PARABENS! A net é meu único contato com esse mundo colorido, e vocês são os únicos q correspondem. MTO OBRIGADO. Ja perguntei outras coisas no blog de vocês e preciso de mais uns conselhos.

Meu nome é B e tenho 16 anos. Sou bonito e moro numa cidade pequena com minha mãe e vó, e ninguém sabe que sou gay mas se eu me assumisse pros meus amigos ningém ia se espantar. Não sou efeminado mas brinco muito com isso, e até já falei que beijei um menino e eles nem se importaram. Só que eles ainda acham que eu gosto de mulher.

Eu era apaixonado por um cara lindo e gostoso, e era correspondido, mas nunca ficamos porque o tempo foi passando e nos tornamos amigos e ele continuava no armário. Para somar, a vergonha me impedia de chamá-lo para sair. Hoje nos falamos pouco e me arrependo de não ter acontecido nada entre nós.

E agora ta acontecendo de novo… Conheci um cara há um tempo atrás, lindo, mas um pouco efeminado [fala um pouco mais fino, essas coisas]. Não que eu não goste de caras assim, até curto, mas se alguém me ver com ele já vão pensar entende? Outra coisa: Ele mora sozinho, trabalha… e eu no ensino médio. Ele me chama para sair, mas eu fico com medo.

Queria sua ajuda: O que eu faço para acabar com essa vergonha? Sei que sou gay, mas morro de medo de me relacionar com outro menino. Sem falar no medo de minha mãe saber, ou melhor, ter certeza, porque ela até sabe. Ela joga algumas indiretas para contar, mas não pretendo contar tão cedo.

Minha intenção era ficar de boas esse ano [estou no 3º ano, vestibular pela frente] e quando fosse morar fora começava a minha ‘vida gay’ longe da família e conhecidos. 

Amo o blog de vcs, continuem assim.

B, 16 anos – Via e-mail

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Oi B. Sabe que me emocionei com seu e-mail? Sério mesmo!!! Sei um pouco como é se sentir ‘sozinho’ e esconder que é gay. Passei um pouco por isso. Era rodeado de amigos na minha adolescência, mas não vivia plenamente porque sempre achei que precisava esconder minha sexualidade deles. Até conheci alguns gays no extinto clube Massivo. Aí comecei a me sentir mais aceito, mais feliz… e claro, descobri o mundo gay [com suas maravilhas e podridões]. Relaxa que as coisas acontecem na hora certa, e logo você viverá uma vida intensa no universo gay, mas lembre-se de todas as dicas que damos aqui. CUIDADO SEMPRE!!!

– Quanto ao carinha que você está afim:
Tá esperando o que menino??? Poxa, já deixou passar uma oportunidade com o outro cara, e deixará passar mais essa??? Não importa se ele é efeminado ou não, as pessoas sempre falarão das outras. Ou talvez nem comentem nada, vai saber. Isso é próprio de viver em sociedade, e não acho que isso deva te incomodar tanto assim. Até porque se sua mãe já desconfia e joga indiretas, não será nenhuma novidade para ela ter certeza que você é gay. Quem sabe isso não te dê um empurrãozinho para desabafar com ela?

– Mudança de cidade:
Não sei se você sabe, mas muitos gays e lésbicas mudam até de país para viver sua vida [e sexualidade] com liberdade plena, sem entraves com família e conhecidos. Quando era mais novo dizia a mim mesmo que ‘ninguém nunca saberá que sou gay‘, ou, ‘casarei com uma mulher mesmo que viva infeliz para sempre‘. Acho que você percebeu que tudo que falei não se concretizou, né? Sou ~TENTO~ ser um ativista dos direitos LGBTs, tenho um blog e até apresentei namorados para meu pai [minha mãe já morreu, mas soube que eu era gay]. Viu como as coisas mudam?

– Acabar com a vergonha:
Primeiramente você precisa compreender que não tem nada do que se envergonhar. Nem por ser gay, nem por qualquer outro motivo. Trabalhar um pouco sua auto estima é fundamental para superar a vergonha.
Sempre sugiro para as pessoas tímidas um ‘trabalho de casa’. Anote em um papel 5 coisas que você gostaria de mudar em si, mas também anote em um papel 10 qualidades. Pegue um dia mais calmo, e leia atentamente cada uma das mudanças e reflita se esses ‘defeitos’ são realmente verdadeiros. O papel das qualidades deve andar com você sempre, e quando se sentir envergonhado com algo releia o papel e refresque sua memória das coisas que você é bom!!! Isso é um santo remédio para sua estima, e outra, ninguém ganha nada sendo tímido, né?

Espero ter ajudado e fique sempre ligado em nosso blog!

Parece que ele não quer ficar sozinho comigo

Olá, garotos! Tenho uma perguntinha para vcs. Conheci um garoto bem legal (interessante e bonito) na balada. Rolou uma pegação básica (ótimo beijo), e descobrimos que somos da mesma universidade, apenas de cursos diferentes, mas temos alguns amigos em comum.

Daí que o convidei pra ir no cinema, mas ele quer que esses amigos (que inclusive estavam na balada) vão também. Juro que não entendi. O bom de programar um encontro não é estar só com a outra pessoa? Me pergunto se isso não tem a ver com idade (já estou quase formando, 22 anos; ele, calouro, deve ter 18) e talvez uma insegurança, sei lá. Vcs já passaram por algo parecido?? Que que vcs acham?

Three is a crowd, Rio de Janeiro

Peagá Peñalvez responde:

Olá querido, realmente quando se marca um segundo encontro o que você menos quer é que um grupo de amigos vá juntos.

Um ex-namorado me disse em nosso segundo encontro: Esse é encontro é mais importante que o primeiro, porque será nesse que iremos realmente começar a nos conhecer. Ele tinha razão, porque quando nos conhecemos não conversamos sobre diversos assuntos, que no segundo realmente tocamos. Depois de um tempo começamos a namorar.

Sinceramente não há nenhuma relação com idade, pode apostar. Inclusive, a diferença entre vocês é tão pequena, 4 anos não são nada. Sobre você ser um formando, isso não tem influência nenhuma.

Duas possibilidades:

1 – Ele ficou com você, curtiu mas não se interessou em continuar algo. Foi bom? Foi, mas ele talvez não esteja em uma fase para se prender a ninguém. Como têm amigos em comum, resolveu continuar tudo como uma amizade, o que também é bem válido. Já fiquei com carinhas e depois nos tornamos amigos. Super normal.

2- Ele curtiu muito. Quer tentar algo, porém é tímido demais para sair com você sozinho e resolveu se escorar nos amigos em comum da faculdade para se sentir mais seguro caso fique aquele silêncio. Cabe a você então, deixar o carinha mais sossegado e investir também.

Se você curtiu MESMO o cara, invista nele. Use sua experiência de como se sentiu quando tinha 18 anos e saia com os caras. Se coloque no lugar dele e faça tudo aquilo que achar correto.

Boa Sorte e um grande beijo.

Ou clique AQUI

Aprendendo a se amar…

E aí garotos, tudo bem? To com uma dúvida… eu tenho 16 anos, sou assumido para todos meus amigos, vou em boates, já fiquei com outros homens, até namorei um por pouco tempo, mas queria saber o que eu faço pros meus períodos de seca diminuírem.

Sempre que eu fico com algum cara, demora um tempão pra eu ficar com outro, e sei lá, sinto falta disso. Não sou lindo, mas não sou feio também. Quero namorar, mas enquanto isso quero curtir um pouco, e parece que ninguém se interessa por mim! Sou meio timido pra tomar a iniciativa e chegar em algum cara, reconheço que isso atrapalha, mas ninguém chega em mim, o que tá acontecendo? O que eu posso fazer? Me ajudem! Adoro o blog de vocês!! Beijos

Anônimo, via Formspring

Peagá Peñalvez responde:

Olá querido, muito safadjeeeenho hein??? Adorei sua pergunta, me lembrou da época que eu tinha 16 anos e tinha as mesmas perguntas. AI AI… faz tempo isso.

Períodos de seca, todos temos. O que muda de uma pessoa para outra é como ela lida com isso. Eu mesmo passo por um período assim, mas por escolha própria. Não estou em uma fase de sexo casual, e a única coisa que tá pintando pra mim é isso, então dispenso. Quero algo mais profundo, por isso entendo que você até busque namoro, mas quer aproveitar a “entre safra”.

Uma das coisas que iria comentar é sobre a sua timidez, mas você pelo menos já sabe sobre isso, então já deu o primeiro passo que é saber onde está o problema. A timidez realmente atrapalha, já que você tem receio de xavecar alguém, por isso tá na hora de você mudar um pouco como você se vê. Isso mesmo. Ou há algum outro motivo para você ser tímido??? Já começa que você nem se acha tão bonito assim, e na hora da conquista, gostar de si mesmo e saber o seu valor ajuda muito. Ninguém sabe explicar muito bem, mas quando estamos de bem conosco parece que tudo flui mais facilmente, PRINCIPALMENTE os relacionamentos. As pessoas “sentem” isso na nossa forma de agir, porque pode não parecer mas quando agimos com confiança, as pessoas nos dão mais valor. Por isso VALORIZE-SE

Quanto as pessoas não chegarem em você, pode ser por conta de sua timidez. Como as pessoas vão se interessar por você, se fica escondido??? Porque timidez é isso, esconder sua vontades por vergonha. Quem vai reparar naquele carinha quieto, que nas festas fica apenas sentado, mal conversa com as pessoas??? NINGUÉM. Agora, quando estamos alegres, nos divertindo, sorrindo, pode apostar que tem alguém nos olhando… Por isso mude essa forma de se mostrar para o mundo, saia da casca e não tenha medo de ser feliz.

Para finalizar: TODO MUNDO tem defeitos, TODO MUNDO é estranho quando visto de perto. Eu, Ricky Martin, Barack Obama e Lady Gaga [Ok, ela é mais estranha que a média, mas tudo bem], então porque ter vergonha de mostrar para o mundo quem você é???

Aproveitando que as aulas voltaram, vou te passar uma lição de casa:

– Pegue um papel e uma caneta [pode anotar até no seu celular se quiser] e vá para seu quarto sozinho. Coloque uma música mais calma, relaxe. Escreva 10 qualidades suas. Tudo aquilo que você MAIS admira em si mesmo.

– Agora faça uma lista das 10 coisas que você não curte muito em si, mas deixe um espaço entre as linhas, porque agora que a coisa fica boa. Embaixo de cada coisa, escreva como você pode mudar isso. Exemplo pessoal porque já fiz uma lista assim: Me acho muito magro. Então, preciso entrar em uma academia e me dedicar.

Se você durante o dia, lembrar que aconteceu alguma coisa que você listou como defeito, pegue a listinha de QUALIDADES e releia. Faça isso sempre que achar necessário.

Espero ter ajudado, e não esqueça de fazer a lição de casa.

Follow @peagapenalvez

 Ou clique AQUI

Ele curte ou não curte???

Quando um menino bissexual discreto, está e/ou não esta afim de você, ele fica fugindo de vc? Se ele gosta de mim, mas fica fugindo, devo me fazer de difícil?

Existem bis ou gays não ficam colocando tarjas em si mesmos, falando eu sou isso aquilo. Só gostam é pronto, detestam ser rotulados!? Geralmente são caras discretos ne?!

Geralmente têm um sexto sentido muito apurado, ele parece ter esse sentido quando um cara olha pra ele e tals. Como que faz pra saber se um cara é ou não mesmo sendo super hiper discreto, mas sem chegar nele perguntando, claro.

Tem um cara no meu curso que, tenho quase certeza, que curte, ele abraça as menininhas e tudo mais, mas se você for analisar bem, você percebe algo, se ele for hetero é o hetero mais estranho que existe.

Anônimo, via Formspring

Peagá Peñalvez responde:

Querido, são muitas dúvidas, né??? Não sei como sua cabeça ainda não deu um nó. Pelo que entendi, todas as suas dúvidas com relação a caras bissexuais, gira em torno deste carinha, que você pode não assumir, mas está afim dele. Acertei??? Adoro minha intuição. ALOCA.

Geralmente, quando curtimos uma pessoa, mesmo que inconscientemente, mandamos sinais disso. As pessoas percebem, seja pelo olhar ou outras expressões corporais. Há diversos estudos com relação a isso, portanto, se o cara mesmo sabendo que você está louco para pegar ele, não demonstrar nada; ou ele é hetero, ou não está afim mesmo, ou é tímido. O jeito de saber isso, é “sentindo” o que ele fala nas entrelinhas, ou até mesmo uma abordagem mais direta.

Se ele é super hiper discreto a coisa fica mais complicada, mas não impossível. CUIDADO para não confundir as bolas também. As vezes, quando estamos muito afim de uma pessoa, acabamos nos iludindo achando que o cara É gay, mas na realidade, não é. Normal… como na aviação brasileira, o gaydar as vezes falha, mas é menos provável.

Atualmente há heteros [de verdade] que nos confundem por serem mais vaidosos, sensíveis, etc. Eu tenho um amigo assim, o Beto. Se você olhar para ele, você tem ABSOLUTA CERTEZA DE QUE ELE É GAY, MAS ELE NÃO É. É um cara brincalhão, sensível, e meio afeminado inclusive. Detalhe: Ele é MUITO assediado pelos gays, e eu morro de rir com isso.

Espero ter ajudado com suas dúvidas.

Follow @peagapenalvez

Ou clique AQUI

Como deixar a timidez de lado?

“Eu cansei de ser tímido. Nunca chego nos meninos porque não sei como puxar assunto. E acho que estou solteiro até agora porque não tenho coragem de chegar em ninguém. E assim devo afastar as pessoas que se interessam por mim.

Se existir alguma pessoa que me queira, eu vivo olhando pro chão e não percebo.

Vocês têm alguma dica pra eu perder a timidez?”

Anônimo

Leandro Madness Responde:

)))Guri. Eu li no mês passado um livro sobre Timidez (Vença a Timidez com Sucesso! De Dora Salive e Núbia Diaz). E descobri que muitas vezes nossa timidez vem da infância.

Ter vergonha de ser quem você é pode ser um dos fatores da sua timidez... Se aceite!

Quando crescemos passamos por diversas situações que podem nos fazer crescer tímidos. E muita gente tem verdadeiro bloqueio ao enfrentar situações novas. Tem gente que não consegue fazer amizade, namorar e nem trabalhar direito.

Fogo, né?

Acho legal da sua parte esse empenho em reconhecer algo que te impede de ser você mesmo e tentar mudar.

Na real, o primeiro passo é se aceitar como é. Não exigir demais de si mesmo e tentar mudar o que incomoda.

No livro que li tem um teste pra saber o grau de Timidez em que você se encontra. Se souber o grau de timidez, já pode saber o que precisa fazer pra mudar.

Então, faça o teste:

)))De acordo com seu comportamento, marque de 1 a 5, sendo que:

1 – Nunca; 2 – Às vezes; 3 – Quase Nunca; 4 – Com freqüência e 5 – Sempre.

)))Teste:

( ) Fico nervoso(a) diante de pessoas com quem não tenho intimidade.

( ) Hesito sempre ao solicitar informações a alguém.

( ) Sinto-me incomodado(a) com festas e outras reuniões sociais.

( ) Quando estou em grupo, hesito ao pensar no que vou dizer.

( ) Levo muito tempo para me adaptar às novas situações.

( ) Tenho dificuldade para agir naturalmente com desconhecidos.

( ) Fico nervoso(a) ao falar com alguém de autoridade superior.

( )Duvido da minha capacidade de ser agradável.

( ) Sou incapaz de fixar o olhar nas pessoas.

( ) Quando estou em alguma festa, me sinto um estorvo.

( )Custa-me muito falar com estranhos.

( ) Para mim, é mais difícil o relacionamento com o mesmo sexo.

)))Some os pontos:

Menos de 30: Você não é uma pessoa tímida, embora, em certas ocasiões, sinta certo grau de ansiedade.

Entre 31 e 44: Você sofre de timidez moderada.

Mais de 45: Você possui um elevado grau de timidez.

)))Se sua pontuação for acima de 45 é aconselhável que você procure ajuda de um Terapeuta ou Analista que vai te ajudar a superar sua timidez.

Mas calma, timidez tem cura. Basta querer mudar. E a mudança começa de dentro. Com menos cobrança, mais amor próprio e menos medo de ser julgado ou magoado pelos outros.

Leia mais sobre isso. Vá a Biblioteca se não quiser gastar com livros sobre o assunto.

Ler esse livro que citei me ajudou um tanto, mas existem milhares de outros livros sobre Timidez. Arrase na leitura e se precisar vá a um Psicoterapeuta.

Boa sorte pra ti,

Bjuxxx.

L^^e!))).

Ou clique AQUI


O valentão da escola quer meu corpo

Meninos estou com um plobleminha. Sou novo em uma escola, e como em toda escola tem um grupo de “garotos da bagunça” que sempre tiram com a minha cara por eu não ser tão viril, mas o ”lider do grupinho”, que sempre inicia as brincadeiras e flerta comigo quando não tem niguém por perto.

Simplismente não sei como agir.

Anônimo, Via Formspring

Peagá Peñalvez responde:

Olá querido Anônimo.

Ser novo em uma escola é realmente muito complicado. Fazer novas amizades nem sempre é tão fácil como nos mostra diversos filmes, ainda mais quando o pessoal “encarna” em alguém. Eu morei em Santos até os 13 anos, depois meu pai arrumou um outro emprego em São Paulo e tive de me mudar. Acredite se quiser, mas pegavam no meu pé por causa do meu sotaque de caiçara. Parei de falar “TU” em menos de uma semana por conta disse, e passei a usar o que nós paulistas usamos, que é “VOCÊ”. Sim, coisa besta, mas é apenas para você ter uma ideia de que a sua “não virilidade” é o de menos, ele poderiam pegar no seu pé por qualquer outra coisa. FIKDIK – Se eles te zuarem, entre na brincadeira deles. Quer coisas mais chata do que quando você quer zuar alguém e essa pessoa acaba brincando com a situação e entra na brincadeira??? Isso fará com que parem de te infernizar. Agora se as brincadeiras sairem do controle, entrando na área de bullying, você deve falar com a direção da escola.

Agora, o valentão da escola dar em cima de você nem é complicado. Uma, ou ele está querendo que você demonstre alguma coisa para depois pegar no seu pé por você ser gay, ou ele realmente está afim. O que você pode fazer é tentar ver qual é realmente a dele. Quando ele der em cima de você, aja naturalmente não demonstre nada AINDA. Como quem não quer nada, tente se aproximar dele, conversando, trocando ideia. Nessa você pega alguns escorregões dele, e se ele se sentir confortável, falará pra você que quer o seu corpo.

O complicado é que na adolescência todos queremos fazer parte de algum grupo, turma ou panelinha. Talvez você se de melhor com os bagunceiros, mas pode ser com os nerds, esportistas, tímidos, etc. Ande com aqueles que você se sentir mais a vontade em ser você mesmo, e que não te julguem por aquilo que você é. Amigos são aqueles que nos aceitam como somos, com qualidades ou defeitos, sendo heteros, gays, bis ou transex.

Vá com fé que você logo fará diversos amigos.

Ou clique AQUI