facebooklikebutton.co

Tag Archives: putaria

Drama: meu namorado foi chupado na minha frente

Terminei com meu namorado porque ele foi chupado por um amigo dele na minha frente

namorado chupado minha frente

“…Meu namorado trocou beijos com um amigo dele na minha frente, por conta disso, um outro amigo dele veio e me beijou (esse amigo cansou de dar em cima de mim). Levei na brincadeira! Mas meu namorado me chamou a atenção! Quando estavam me levando em casa, comecei a agarrar meu namorado no banco de trás do carro  (já fizemos muito isso).  Até que comecei a chupar meu namorado e esse dito cujo amigo que cansou de dar em cima de mim e me beijou veio e chupou meu namorado, o  qual deixou.

Fiquei perplexo!Deixei rolar pra ver  onde ia!  Me senti traído e humilhado e eles ainda se beijaram. Quando parei com  a “bagacinha”  eles continuaram! No dia seguinte liguei pro meu namorado, falei verdades e demos um tempo. Ele usou a seguinte desculpa :”Vc é o culpado porque deixou!!!” E também : “Foi algo do momento, não senti nada! Quem eu amo é você!”.

Estou em uma batalha terrivel entre razão e emoção! Acho que se ele fez isso na minha frente, deve ter ficado com outras pessoas pelas minhas costas. E minha emoção diz que foi calor do momento, talvez deve ter achado que pra mim tava tudo bem e deixou rolar! Queria uma opinião.  (
Obrigado pela atenção!”

Carlos, 19 anos,  Pará

Oi, Carlos! Devo confessar que fiquei Kátia, a cega com seu conto erótico infanto juvenil. Aliás, é pornô, né…

Beijar na boca de amigo, amigo chupando seu boy depois de você e na sua frente, mas sem a sua autorização. Seu namorado que vem dar desculpinha tosca como se o pinto não tivesse grudado no corpo dele e fosse você quem devesse controlar as duas cabeças dele…

Só digo uma coisa: se Leila Lopez estivesse viva, ia ficar morta de inveja com o enredo desse filme para maiores!

Vou ser bem sincero, achei tudo uma putaria só. Pra mim, namorado meu é meu e se amigo vier dar beijo na boca dele e ameaçar de chupar o pênis dele, já faço trabalho na encruzilhada pra essa gay ousada não ver um pinto na frente nunca mais, mas nem do tipo filhote de galinha.

Você está certo em terminar e seu namorado com essas desculpinhas toscas merece mais é um nabo gigante na porta dos fundos. Se bem que… capaz dele gostar… Enfim, agora to imaginando essa suruba toda no carro e não consigo pensar, qualquer dúvida que reste sobre este post, escreva outro e-mail, mas, por favor, mande um infográfico dos acontecimentos que é pra ilustrar tudo, ta?

))) Se não curtiu o que rolou, tinha mais é que falar mesmo, se preserve e seja sempre por você, porque nesse mundo, menino, é cada um por sí mesmo.

Beijas,

OBS: vocês chamam “boquete” de “bagacinha” no Pará ou é só sua maneira de dizer?

OBS 2:

L^^e!))).

Leia também:

Bitch, please! Porque eu virei uma ‘bitch’???

Ola pessoal do DQOGG. Sou o Nemo, faz um tempão que não dou o face aqui, mas pode ter certeza que ainda acompanho o blog!

Gostaria de saber se existe algum motivo, resposta, explicação para eu ter virado uma bitch!

Não chega a ser algo do tipo sair com primeiro cara que encontro, é mais emocional talvez, eu começo a namorar um e logo já estou envolvido com outra(s) pessoa(s), então eu conheço alguem novo e começa a acontecer um relacionamento mais casual, todos juntos!

Não é putaria minha (pelo menos não que eu tenha consciência disso) eu apenas não consigo dizer não para a pessoa, sabe, magoar ela depois de ter sido tratado bem.

Talvez eu seja apenas muito egoísta hehe, falei com um amigo gay sobre isso e ele disse que era bondade, mas eu não consigo ver nada de bom nisso.

Bem, queria saber se isso é normal, se tipo é difícil mesmo dar o fora em alguém, querer estar com todo mundo que você gostou e tal, por esse caminho.

Acabei escrevendo muito de qualquer forma, espero que pelo menos tenha passado como a situação está tensa!

Nemo, via e-mail

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Olá Nemo, realmente senti sua falta aqui no blog, seja enviando perguntas ou comentando os posts. Apareça mais, hein???

Quanto ao seu probleminha: Aprender a dizer não é um grande passo em se respeitar, sabe porque? Muitas vezes acabamos por fazer algumas coisas que não temos vontade pela dificuldade em dizer não às pessoas. Fazer as coisas sem vontade é, de uma certa forma, anular nossas reais vontades em detrimento da felicidade dos outros. Dizer ‘não‘ a uma pessoa não significa que você não a estime, mas simplesmente que não está com vontade, concorda ou pode fazer o que ela pede. Não é maldade nenhuma dizer isso a alguém.

Eu vejo por outro lado essa questão de ficar com as pessoas. Já pensou que no momento que você fica com uma pessoa [se relacionando com outra], está magoando a pessoa com que você está? Isso muitas vezes machuca ~muito~ e em meio a tantas pessoas será que você consegue realmente se relacionar com elas, ou tudo fica na superficialidade? Tome um pouco de cuidado com isso, porque quem pode se machucar no final é você.

Quando se entra e sai de ‘relacionamentos‘ com tanta frequência e rapidez acaba que nem conhecemos direito a pessoa com quem estamos, sem falar que isso pode ser uma forma de seu inconsciente mostrar carência excessiva. Quando somos tratados bem não necessariamente precisamos ficar com essa pessoa, mas sim agradecer e tratá-la tão bem quanto nos tratou.

Sair e entrar em relacionamentos sem ter um tempo de repensar o que deu ou não certo, pesar quais foram seus erros e emendar num outro é arriscado. Como você pode repensar nas atitudes ou no que não deu certo no relacionamento passado se não tem tempo para isso? Fazer essa auto análise é essencial para amadurecermos sentimentalmente, e aprender com cada relacionamento de nossas vidas.

Ajo da seguinte forma: Se estou envolvido com alguém não fico jogando olhares ou trocando ideias com outras pessoas porque acho um desrespeito com a pessoa e a partir do momento que eu sentir vontade de ficar/trair essa pessoa com alguém é porque alguma coisa não está legal. É nessa hora que repenso o relacionamento e meus sentimentos e avalio onde/porque/quando errei. Tento minimizar os danos e resgatar o relacionamento se ainda acreditar nele, do contrário termino e deixo a pessoa livre para conhecer uma pessoa que a faça feliz.

Claro que olhar para outras pessoas e achá-las bonitas é perfeitamente natural, mas esquematizar e ir atrás delas acho sacanagem. Você pode dizer que sou tradicionalista, mas na realidade acredito no amor, na fidelidade e no respeito que tenho por mim e por quem está ao meu lado.

Antes de mais nada, tente repensar o que você tem feito. De repente é aquela carência, vontade de ser aceito e medo de dizer ‘não’, mas pense que antes de mais nada devemos respeito a nós [ideias, dogmas e sentimentos] e dizer a palavra não é perfeitamente normal.

Leia também:

2 amigos + 1 site de caça gay = 1 amiga traída

“Recentemente fiz um perfil num site de relacionamento gay e tenho entrado diariamente pra tentar encontrar alguém interessante a fim de ter algo mais sério. Outro dia, fuçando nos perfis cadastrados, descobri o perfil do meu melhor amigo, que é casado há 3 anos com minha melhor amiga.

Meu perfil não tem foto de rosto, só algumas de corpo. O dele tem de corpo sem roupa e as do rosto estão bloqueadas. Mandei mensagem pra ele pedindo pra desbloquear as fotos e quase morri de susto quando o reconheci. Sempre quis ter alguma coisa com ele, mas nunca tive coragem de investir porque ele é casado com minha melhor amiga. Agora que descobri que ele tem perfil de putaria num site gay fiquei mais doido ainda pra tentar algo sério com ele. Devo me declarar? Será que ele vai fugir de mim ao descobrir que o homem que troca mensagens com ele sou eu?”

Anônimo.

Leandro Madness Responde:

)))Não sei se por causa do calor ou se porque voltei de férias e to nervoso porque queria muito continuar de férias pro resto da vida, mas tenho que trabalhar, o negócio é que eu tenho vontade dar 500 croques na sua cabeça, MR. Anônimo.

Na vida nem sempre podemos o que queremos, veja meu caso. Queria estar de férias permanentes, mas tenho que pagar minhas contas…Você queria ter algo com o seu melhor amigo, que é casado com sua melhor amiga… Preciso desenhar?

Por mais irresistível que seja. É comprometido? É mulher.

)))Na minha opinião, a única coisa que você deve declarar para ele é a seguinte: “Ou você conta pra sua mulher, que é minha melhor amiga, que você é um pilantra que a trai com homens, ou conto eu. Tu mesmo que disse que ele é seu melhor amigo e ela é sua melhor amiga, portanto, tenha isso em mente e não misture as estações. Não complique sua vida e faça seu papel de amigo: Puxe a orelha de quem está fazendo cagada e preste apóio a quem merece.

Minha mãe costuma dizer que a gente nunca deve fazer coisa que não deve perto de casa e nem com gente da família. Seus amigos são sua família, não faça o que não deve com eles.

Você ta com desejinho e precisa se satisfazer? Me faz um favor? Se manca. Finja que seu amigo é uma amiga casada com uma lésbica. Pronto! Você tem um casal de lésbicas como amigas suas e como você é gay, não vai rolar NADA com nenhuma delas. Melhorou? Não?

Então toma: Meu filho…. ACORDA. O cara quer PUTARIA e É INFIEL pra sua melhor amiga. Se você procura alguém para algo sério, acha mesmo que ele é um bom pretendente pra ser seu marido?

Beijos.

L^^e!))).

Ou clique AQUI

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Padre Edilson Duarte, o GRANDE FDP!

ARAPIRACA (AL) – O padre Edilson Duarte, 43, assumiu, no depoimento dado à CPI da Pedofilia, no sábado, 17, que era gay e que se relacionou com três ex-coroinhas menores de idade. O depoimento aconteceu no Fórum Estadual de Arapiraca, na cidade que fica a 146 quilômetros de Maceió, e foi conduzido pelo senador Magno Malta (PR-ES).

Os ex-coroinhas Cícero Flávio Duarte e Fabiano Vieira, que acusavam o padre Edilson de ter abusado sexualmente deles, ficaram frente a frente com o religioso. Pressionado para que confessasse que abusou dos ex-coroinhas, quando eram menores, ele assumiu.

“Eu não posso mentir, sou mesmo homossexual e fiz sexo com o Flávio e com o Fabiano quando os dois tinham 16 anos de idade”, disse o padre para espanto da platéia, inclusive de dois irmãos seus, que são militares e que imediatamente se retiraram do local ao ouvir a revelação.

Segundo o padre Edilson, uma das vezes que fez sexo com Fabiano foi dentro da Concatedral de Arapiraca. Além disso, confessou que presenteava o jovem com o dinheiro das doações dos fiéis. Segundo o religioso, os padres Luiz Marques Barbosa, 82, e Raimundo Gomes, 52, também abusavam sexualmente dos jovens.

“Isso é um absurdo. Uma mentira deslavada”, retrucou monsenhor Luiz Barbosa, que foi filmado fazendo sexo com o ex-coroinha Fabiano Silva Ferreira, 20. O padre Edilson pediu proteção à CPI. “Peço segurança porque o monsenhor Raimundo é muito perigoso e pode querer acabar com a minha vida, depois desse depoimento”, disse.

Vera Fischer, Simone e Mônica – O padre Edilson contou que a casa religiosa na cidade de Barra de São Miguel era utilizada para orgias entre os menores e os padres. Segundo ele, o bispo Dom Valério Brêda era chamado de Vera Fischer, o monsenhor Luiz Marques, de Simone, e o padre Raimundo Duarte, de Mônica. Os ex-coroinhas afirmaram que os padres os levavam para a casa para “retiros espirituais” e que davam bebidas alcoólicas aos garotos.

“Às vezes eles nos davam R$ 5, R$ 10. Era um cala boca para que a gente não contasse, como se fôssemos garotos de programa”, contou Cícero Flávio. De acordo com o senador Magno Malta, o padre Edilson terá direito à redução da pena se denunciar demais religiosos e outros casos de abuso dos padres da congregação de Arapiraca. Segundo Malta, a CPI deve ser prorrogada em virtude das denúncias graves. O padre Edilson também disse que iria conversar com sua advogada sobre o processo de delação premiada.

Troca de acusações – Já neste domingo, 18, o monsenhor Luiz Marques disse que Dom Varério Brêda sabia dos abusos sexuais do padre Edilson, pois ele havia lhe comunicado. Sobre a sua acusação de pedofilia, ele negou. Sobre o vídeo, no qual aparece fazendo sexo com Fabiano, ele diz que só aconteceu naquela ocasião, pede desculpas e se compara a Jesus.

“Falo feito Jesus, tiraram minha roupa, cuspiram em mim e me crucificaram. Isso aconteceu com ele e está acontecendo comigo. Talvez eu mesmo tenha me crucificado. Queria que vocês atendessem ao meu clamor: perdoem-me”, disse o padre Luiz. Neste domingo, foram apresentados materiais recolhidos na casa do monsenhor de acordo com o mandato judicial. Lá encontraram vinte garrafas de bebidas alcoólicas e um lubrificante íntimo. “É normal eu oferecer bebida a uma visita. Já o creme vaginal foi alguém que esqueceu lá”, alegou o monsenhor.

Por sua vez, o padre Raimundo Gomes negou ter praticado pedofilia. “As denúncias partiram fruto de uma vingança já que ex-coroinhas tentaram me extorquir e não conseguiram. Sou padre por vocação, tenho respeito a Deus, às pessoas e aos coroinhas. Nunca abusei e nem peguei em órgão genital de coroinha no altar. Isso seria impossível”, disse. Raimundo também pediu proteção policial.

Ameaças de morte – Outra gravação feita pelos ex-coroinhas está em poder da polícia. Nela, aparece o padre Edilson Duarte ameaçando Fabiano. O padre Edilson dizia que o ex-coroinha só teria a perder caso o denunciasse. Depois comenta, de forma irônica e com trejeitos de bicha. “Vamos estar lindas e maravilhosas velando o corpo dele”. Segundo Magno Malta, é chocante esse tipo de ameaça. “O que choca é que envolve religiosos. Que ele é homossexual e religioso, tudo bem. Mas ameaça de morte? Ou seja, não pode revelar a verdade? Não pode abrir a boca? Isso é absolutamente grave”, disse.

Fonte: MundoMais

Peagá Peñalvez comenta:

Nossa Senhora da Aparecida, como assim? Meldels, a religião católica está realmente indo para o saco com tanto padre sendo processado por pedofilia. Este pelo menos confessou de uma vez, não ficou mentindo nem nada, porque a maioria nega até o final, e melhor ainda, jogou a merda no ventilador e acusou mais dois FILHOS DA PUTA que faziam esta sacanagem com os jovens. Ok, eles tinham 16 anos e deveriam saber muito bem o que estavam fazendo porque não eram mais crianças, mas mesmo assim, um adolescente desta idade é fácil de levar e de ludibridiar, ainda mais quando se é um padre e é de “confiança”.

Detalhe é que eles ainda tinham nome de drag queen. Vera Fischer, Simone e Mônica!!! ahuaahuAhuaUAHU. Como assim??? Eles queriam ser Jesus ou Maria Madalena? Não entendi esta parte. Estou imaginando eles vestidos de freiras agora, um com peruca loira, um com morena e o outro com uma ruiva, belíssimas, até a cintura, muita make-up e um batom vermelho DAMA DA NOITE!! AHUahuaauuahahuhauhauahuahuahu.

Agora, o maior desrespeito nem foi com os jovens, mas usar o ALTAR para fazer sexo com os adolescentes. SACRILÉGIO!

Penso o seguinte, se a igreja católica não selecionar melhor os seus padres, vai acabar com toda a sua credibilidade, que anda para lá de desgastada. E depois ainda reclamam de uma imagem de Jesus com a barriga sarada, achando que é um pinto. Como disse no meu comentário: A Maldade está nos olhos de quem a vê, e de maldade a IGREJA está cheia pelo jeito, nem o PAPA BENTO 16 escapou.

Amém.