facebooklikebutton.co

Tag Archives: campanha

Vídeo Gay: Quando Você Escolheu Ser Hétero?

Vídeo gay contra o preconceito

Vídeo Gay

Olá amiguinhos, bora chamar a mamãe, o papai e a vizinha que o vídeo gay de hoje deve ser visto por toda a família!

E mas uma vez os gringos vem servindo como inspiração para campanhas em combate a cura gay, e em tempos de felicianos e malafaias, essas campanhas são sempre bem vindas.

O vídeo gay foi inspirado em uma campanha chamada  When Did You Choose to Be Straight?Quando você escolheu ser hétero? em português – e tem deixado o pessoal meio pensativo.

No vídeo gay vemos o entrevistador perguntar para algumas pessoas, se elas acham que a homossexualidade é uma escolha ou se os gays já nascem assim. As respostas são diversas, uns dizem que é escolha, outros genética e outros que é natural se nascer assim.

Acho bacana essa diversidade de opiniões, até mesmo a daqueles que dizem ser uma opção pois, só quem vive isso sabe que não é uma escolha.

Tratar a homossexualidade como escolha é meio cruel, quem em sã consciência escolheria ser gay, passar por tantas rejeições, conflitos, preconceitos, agressões e ainda por cima ser tratado como doente? É tudo uma questão de lógica, ainda mais nessa sociedade tão cheia de pré-conceitos em que vivemos.

Posso dizer que esse vídeo gay foi um dos melhores e mais “profundos” que eu já vi, pois ele ataca direto na lógica da pessoa, usando sua própria resposta como argumento de aceitação: se tu não escolheu ser hétero e já nasceu assim, porque seria diferente com o homossexual?

Espero que um dia as pessoas aprendam a respeitar a individualidade de casa um, e que elas percebam que o caráter vai muito além da sexualidade ou daquilo que você faz entre quatro pardes.

E você, quando escolheu ser hétero?

Assista ao vídeo gay

Leia também:

Vídeo Gay: Quero saber como é…

     Vídeo Gay Contra o Preconceito

Vídeo Gay

Já vimos tantas campanhas contra o preconceito e a homofobia, mas essa chamou a minha atenção e me emocionou por alguns segundos, por isso publico aqui na minha coluna de vídeos gays.

O vídeo gay dessa campanha foi gravado por Ryan James, uma celebridade virtual que luta pelos direitos gays, o vídeo gay faz parte de um projeto chamado Second Class Citizens.

Confesso que por várias vezes durante o vídeo, me senti ali, no meio de tantos questionamentos e conflitos.

Quero saber como é, desfazer o que fizeram comigo.

É difícil imaginar algum gay que não passou e que não passa por isso. As marcas deixadas pela infância, os amigos que se foram ao saber da sua sexualidade, os olhares de acusação por onde se passa, a fé em um Deus que te julga e não te acolhe [pelo menos na visão distorcida dos fundamentalistas religiosos], os pais que te abandonam e não te aceitam…

“Quero saber como é, não ser considerado uma doença.”

As vezes quando eu paro para pensar e ler as coisas que andam acontecendo no Brasil, fico um pouco assustado e ao mesmo tempo incomodado com as coisas que se publicam e se falam simplesmente por orgulho ou mostra de poder.

Engraçado querer considerar uma doença mental, algo que não se tem muito conhecimento e que especialistas da área dizem não ser. Daqui uns dias encontraremos assim: viver pode ser considerado uma doença mental.

Claro que não podemos negar que a sociedade já deu um grande passo para a aceitação da homossexualidade, ainda mais se for na casa do vizinho, mas quando acontece na sua família muitas vezes a mente aberta se fecha.

Precisamos é de campanhas assim, como essa do vídeo gay, que chocam a sociedade, que mexe com as emoções e que me faz perceber que sou igual a todos os outros.

“Quero saber como é… ser normal. ser aceito. ser humano. ser igual. ser livre.”

Assista ao vídeo gay:

Leia também:

Campanha Liberdade na vida, da @AntroPositivo

Campanha Liberdade: Amor, simplesmente amor

campanha liberdade antro positivo

A revista Antro Positivo é uma publicação digital, trimestral e gratuita sobre teatro e política cultural. Sob as mãos do diretor de teatro Ruy Filho e da diretora de arte Patrícia Cividanes. Com uma identidade visual super moderna traz aos leitores muita informação, sempre com uma grande artista na capa.

A revista lançou ontem a Campanha Liberdade, onde aborda afeto, carinho e beijos entre pessoas do mesmo sexo como forma de protesto pela liberdade não apenas sexual mas na arte e, principalmente, na vida das pessoas.

Quantas vezes nos sentimos de mãos atadas perante a vida? Em nosso trabalho não é diferente e para atores isso é ainda pior, já que precisam passar veracidade a seus sentimentos durante uma atuação.

Imaginou um ator preso a esteriótipos de conduta, como seria ruim para a atuação deles? Artistas são geralmente mais sensíveis, precisam trabalhar seus sentimentos e convicções para criar as personagens que vivem no palco, cinema, tv…

Nós gays também precisamos de nossa liberdade. Quantas vezes nos sentimos podados de fazer alguma coisa com medo do que o outro achará? Não é esse o ponto que faz com que muitos escondam a 7 chaves sua homossexualidade com medo da família, amigos e colegas de trabalho?

Quem quer ter uma vida plena e gozar da verdadeira felicidade precisa se soltar do grilhões que o prendem. Ser livre para fazer suas próprias escolhas, baseadas naquilo que seus sentimentos indicam como certo, ou errado. Ser livre é escutar apenas os batimentos de seu coração.

Pense e repense seus conceitos, as vezes a diferença entre ser feliz e triste é libertar-se e reaprender a se amar, verdadeiramente!

Assista a Campanha Liberdade:

‘A humanidade é infeliz por ter feito do trabalho um sacrifício e do amor um pecado’

[Sugestão de pauta: Ary França]

Casamento gay: Campanha Irlandesa

Casamento Gay ou Hétero, um direito

casamento gay irlanda

Casamento gay na Irlanda ainda não é reconhecido, o país de dogmas católicos e protestantes esbarra na laicidade do Estado e a luta pelo casamento civil entre pessoas do mesmo sexo caminha a passos de tartarugas.

Se você é gay nem precisa imaginar como é não ter seu direito de amar quem bem entender reconhecido, agora se você é hétero imagine como seria se você precisasse de autorização de toda a população de um país para poder se casar com quem você ama. Imaginou?

Como julgar [sim, a palavra é julgar] o sentimento que outra pessoa sente por alguém? Quem é que tem esse direito? Meu querido, ninguém tem o direito de julgar o sentimento de ninguém!

Não entendo porque uma pessoa se sente incomodada ao saber que pessoas do mesmo sexo podem se casar, já que isso não interfere em nada na vida dela ou de qualquer outro cidadão, seja no Brasil, Irlanda, Coréia do Norte ou em Bora Bora!

O mundo já reconheceu os direitos de negros a ter uma vida como qualquer outra pessoa. Isso foi conquistado com muita luta, gritos, mortes e sangue. As mulheres também tiveram seus direitos reconhecidos, também com a mesma luta, gritos, mortes e sangue. Agora chegou a nossa vez de ter plena igualdade de direitos.

Muitos dizem: ‘Mas é só um papel‘. E para essas pessoas eu sempre digo que não julguem a importância desse simples papel para um casal gay. Para muitos isso é um grande passo, da mesma forma que para um casal hétero é importante ter reconhecido uma união.

O mundo está mudando, aos poucos conquistamos mais o papel de verdadeiros cidadãos, com plenos direitos e deveres, assim como qualquer outra pessoa de nosso país.

Não buscamos mais direitos que ninguém, o que buscamos é tratamento igual! Nem mais, nem menos! Pense a respeito!

Assista a campanha pelo casamento gay:

Campanha canadense anti Homofobia

Vamos lutar contra a Homofobia

Homofobia Canadá

O Ministério da Justiça de Quebec, no Canadá, lançou uma campanha muito interessante para saber se seus cidadãos tem preconceito contra gays, lésbicas, bissexuais e transgêneros.

A campanha Really Open e foi lançada essa semana e pode-se assistir algumas propagandas nos canais do país. Conta ainda com um site interativo onde  através de perguntas simples, é fácil saber o quanto as pessoas aceitam ou não a homossexualidade no Canadá.

Em Quebec também há casos de homofobia, isso não é exclusividade de países subdesenvolvidos como o Brasil, mas algo global que deve ser combatido por todos nós.

Através de pequenos vídeos mostrando algumas situações o internauta é convidado a responder o quanto isso o incomoda. Depois de finalizada as perguntas [poucas] o internauta é convidado a compartilhar em suas redes sociais o resultado.

Um programa canadense perguntou em sua fanpage o que eles achavam de tal campanha na televisão e surpreenda-se: 11% responderam que acham desnecessário mostrar 2 homens se beijando e que não saberiam explicar isso para seus filhos, caso eles perguntem.

Um funcionário da TVA recebeu ma ligação pedindo que a rede de televisão retirasse o comercial da campanha anti homofobia do ar porque mostra ‘duas bichas se beijando‘.

Campanhas de conscientização são necessárias em qualquer lugar do mundo, não apenas no Brasil. A homossexualidade ainda não é bem vista por um boa parcela da população mundial.

Seja por convicções religiosas, políticas ou qualquer outra coisa, o que todos precisam entender é que não importa se você aceita ou não a homossexualidade desde que você respeite o direito do próxima de viver a sua vida como acha melhor.

Ninguém quer obrigar ninguém a aceitar a homossexualidade, aqui ou em qualquer outro lugar, o que queremos é ser respeitados e nossos direitos como cidadãos respeitados!

Homofobia Canadá

Fonte: Blue Bus

ABGLT lança campanha: Voto contra a Homofobia, defendendo a cidadania

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Eleições Candidatos Gays

Muitas vezes falei aqui no blog sobre como nós gays podemos mudar uma eleição e colocar representantes que defendam as minorias, inclusive a comunidade gay, e hoje a ABGLT lançou a campanha: ‘Voto contra a Homofobia, defendendo a cidadania‘, onde lista com 150 pessoas do movimento LGBT que colocaram suas pré-candidaturas para as eleições municipais de 2012. São 22 estado e 20 partidos políticos que apoiam o direitos gays.

No Brasil estima-se que 10% da população seja homossexual, ou seja, somos 20 milhões de brasileiros que unidos podemos mudar nossa situação. O Brasil é um Estado Laico, mas querendo ou não, os evangélicos conseguiram formar uma bancada, buscando em suas congregações representantes e o maior número de votos possíveis, enquanto a maioria dos gays acaba se preocupando mais com academia, balada, roupas e sexo.

Se continuarmos a nos preocupar apenas com isso acabaremos vivendo em um país onde ser gay será até crime. Ou pior, seremos todos enviados para hospitais de ‘cura gay‘. É isso que você quer? Então é melhor começar a pensar sobre política sim.

A ABGLT lançou uma página em seu portal onde fala sobre as eleições 2012, e além disso um blog onde atualizará a lista de candidatos gays em todo o Brasil. Os candidatos citados assumem o compromisso de  garantir, defender, promover e proteger a cidadania e os direitos humanos da população LGBT, assinando um Termo de Compromisso.

 Vale a pena conferir!!! #AcordaAlice

Beijo Gay na campanha da H&M contra a AIDS

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Há 5 anos a H&M lança a campanha Fashion Against AIDS, que une moda com conscientização sobre sexo seguro e tolerância. Entre as imagens desse ano o destaque vai para o beijo gay, o que causou grande repercussão.

É disso que os gays gostam!!!

Fashion Against AIDS - Do Que Os Gays Gostam

Fashion Against AIDS - Do Que Os Gays Gostam

Fashion Against AIDS - Do Que Os Gays Gostam

Fashion Against AIDS - Do Que Os Gays Gostam

Assista o vídeo da campanha:

Neymar DE CUECA na campanha da Lupo

Por Peagá Peñalvez

Sinceramente não curto muito futebol, mas quem não curte JOGADORES de futebol??? Ok que o Neymar nem é lá essas coisas, mas pelo POUCO que entendo de futebol, sei que ele joga bem.

Confira as fotos do jogador para a Lupo:

Você também pode ajudar a Beatriz Sigoli

Vi no blog do Claudio Nanti, e como sei que vocês são pessoas maravilhosas… Quem puder ajudar, ajude. Quem não puder divulgue.

Vamos começar o dia ajudando essa garotinha?
Ela tem travado uma luta pela vida desde a primeira cirurgia, ocorrida em 19/04/10, mas recentemente os exames mostraram uma obstrução no lado esquerdo do cérebro e será preciso realizar uma nova cirurgia com urgência, chamada ventricolo-cisternostomia. O fato é que o convênio médico não cobrirá os gastos desse procedimento cirúrgico e como as economias chegaram ao fim,… agora, além de oração, a família pede por ajuda financeira, qualquer quantia!

Informações da Cirurgia:
Agendada para dia 18/10/11
Hospital Alvorada – Moema/SP
Preço da cirurgia (somente equipe médica): R$ 12.800,00 

Dados Bancários:
Beatriz Sigoli de Almeida
Banco Bradesco
Agência: 2224
Conta Poupança: 56375

Olha que gracinha:

Proteção e Tesão devem andar juntos

Estamos sempre levantando bandeiras aqui no DQOGG, e através do Disponível.com e da ONG Estruturação – Grupo LGBT de Brasília entramos na campanha “META NA SUA CABEÇA – Proteção e Tesão devem andar juntos”, que unirá diversos blogs para o público gay em todo Brasil para conscientizar um pouco mais sobre o uso da camisinha.

O objetivo reforçar o alerta para gays e homens bissexuais sobre o quanto a Aids AINDA os ameaça. Para isso, o site oficial da ação, entre outras iniciativas, oferece seção com perguntas e respostas sobre o tema e um programa de webtv, reúne vídeos sobre a importância da camisinha e disponibiliza banners com mensagens sobre prevenção de DST/Aids. Conheça o site aqui.

A ideia dos anúncios que podem ser incorporados por sites e blogs é fazer as informações chegarem a mais pessoas, explica Sergio Di Pietro, diretor executivo da Infonet Business. “Queremos que mais e mais pessoa se somem à nossa iniciativa. Precisamos mudar o atual cenário: gays e homens bissexuais têm 11 vezes mais Aids que os heterossexuais masculinos. Mostremos que é possível viver nossa sexualidade de forma ampla sim, mas que devemos nos proteger.”

Acredito que esse tipo de ação pode ser inserida em QUALQUER BLOG ou site, porque conscientização é bom não apenas para gays e bissexuais não é mesmo??? Bora ajudar blogueiros???

Leia o texto de convocação para a Campanha na íntegra AQUI!

Assista um dos vídeo aqui:

Leia também: