facebooklikebutton.co

Tag Archives: blogay

Rainbow Links #23

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Essa semana foi muito importante para nós do DQOGG, completamos 4 anos de blogay! Teve até post de comemoração do aniversário, promoção e muitos posts, mas separamos textos de outros blogs bem bacanas. Curta ae!

Tem Graça ou Não – Como tomar leite sem perigo de morte

Thiago Marzano – Ensaio com o gostoso do @lebart

SaiDaqui – Intensos de cama

Feed By Frames – Feministas: mais que uma questão de pílulas

Apimente.me – Porque homens gostam de seio?

Sapatômica – Lésbica de 61 anos consegue direito inédito

Divora – Traí o movimento das gordinhas?

Sorvenxaqueca – Tumblr que é muito amor e enxaquecas!

Sexo & Rock n’ Roll – Noite no Bilhar

Como assim, Vanessa? – O gato do metro

Puro Veneno – Como um homem e uma mulher veem um banheiro

Vitrolla – I’m Zombie and I Know it!

Grupo Freedom – Amai-vos uns aos outros

Bezeweels – Tenso, muito tenso!

Promoção DQOGG 4 anos – ‘Eu quero um PicoBong’

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Promoção DQOGG 4 anos 'Eu quero um PicoBong'

Nem parece que tanto tempo se passou, mas foram 4 anos de muito trabalho e alegrias no blogay. Aprendemos muito com vocês leitores, não apenas sobre o universo gay, mas sobre nós mesmos e ficamos felizes que nesse tempo todo de DQOGG ajudamos e informamos milhares e milhares de pessoas. Até prêmio ganhamos do YouPix ganhamos no ano passado! Eike Rykeza!

Para comemorar isso criamos a promoção ‘Eu quero um PicoBong‘, em parceria com a Pico Bong Brasil que produz os melhores e mais bonitos vibradores do mercado erótico. Sim, é isso mesmo que você leu: Daremos a um de nossos leitores o poderoso e potente Tano Plug Vibe!

Aposto que você está ‘piscando’ de tanta emoção e louco para participar. É fácil, vem comigo.

– Primeiramente você deve seguir o perfil do @DQOGG e do @PicoBong_Brasil.

[twitter-follow screen_name=’DQOGG’ show_count=’no’] [twitter-follow screen_name=’PicoBong_Brasil’ show_count=’no’]

– Depois deverá tuitar a seguinte frase: Sigo o @dqogg e  @PicoBong_Brasil e concorro a um vibrador TANO PLUG VIBE Leia e RT para concorrer http://kingo.to/1clv

Pronto, você já está concorrendo! Lembramos que também rola uma promoção na fanpage do DQOGG! Corre que ainda dá tempo!

A promoção é válida a todas as pessoas físicas residentes em território nacional, que sigam ambos os perfis. É importante salientar que o vencedor será informado através de Direct Message no Twitter e deverá passar seus dados para o envio do prêmio. O sorteio será realizado às 22h do dia 24/10/12 através do Sorteie.me.

Boa Sorte a todos e parabéns a todos nós, colaboradores, leitores, amigos e empresas que durante esses 4 anos apoiaram nosso trabalho.

Tirando o relacionamento gay da rotina

Oi pessoal do blog Do Que Os Gays GostamPrimeiro quero elogiar a dedicação de vcs para nos ouvir e trazer assuntos interessantes.

Vcs poderiam dar ideias ou sugestões do que fazer quando o relacionamento fica com cara de domingo, monótono ? Tanto no dia a dia e no sexo.

Anônimo

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Relacionamento Gay

Olá querido! Ficamos felizes que curte nosso blogay, ele é feito para vocês queridos leitores que enviam perguntas diariamente. Dá trabalho ter um blog? Sim, e muito, mas ~amamos~ o que fazemos e receber elogios e agradecimentos como o seu nos dá mais força para continuar.

Para começar, a rotina de um relacionamento gay [ou qualquer outro] nunca é ‘culpa’ de apenas um lado, mas sim dos dois que por algum motivo deixam de se comunicar de forma correta e acabam guardando muitos desejos com vergonha de revela-los. Primeiro passo para um relacionamento saudável é ter completa liberdade para conversar sobre tudo [TUDO MESMO] com o namorado. Seja sexo, problemas, alegrias, estudos, trabalho, família, etc.

Apimentar a relação nem é tão difícil, viu? O passo inicial é ter algumas ideias bacanas para quebrar um pouco a mesmice diária. Já pensou em conhecer algum sex shop com o namorado? Pois conheça, mas faça questão de irem juntos! Além da diversão vocês terão um encontro diferente e só isso já é sair da rotina, o que dirá usar os produtos, né?

Alternar quem faz passivo e quem faz ativo é uma forma bacana de sair da rotina de um relacionamento. ‘Ah Peagá, eu curto ser ativo [ou passivo]’. Ué, você não quer sair da mesmice? Poxa, é uma ótima forma de mudar um pouco as coisas, e isso não significa que é pra sempre. Até porque, alternar as coisas de vez em quando é saudável.

Você já ouviu falar em Kama Sutra? Há diversas posições sexuais para sexo anal que são IN-CRÍ-VEIS! Já tentaram fazer algo nesse sentido? Pode-se apimentar ainda mais as coisas com locais inusitados. Eu mesmo já transei numa construção com um namorado de noite enquanto os funcionários não estavam. Outra lugar diferente que transei foi durante uma trilha no Pico do Jaraguá. Sim, ali no meio do mato mesmo!

A dica principal eu deixo por último: Para seu relacionamento não cair numa rotina use a IMAGINAÇÃO! Com ela aposto que seu relacionamento será diferente todo dia.

Beijos e boa sorte!

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Leia também:

Lançamento do Galaxy Note 10.1

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Galaxy Note 10.1

A Samsung lançou semana passada o Galaxy Note 10.1, e a equipe do DQOGG foi convidada para conferir tudo em primeira mão e olha que esse lançamento nos surpreendeu muito, até porque é o primeiro tablet com Android 4.0.

O Galaxy Note 10,1 tem câmera traseira de 5MP e frontal de 1.9MP, processador Quad-Core de 1.4 GHz, 2GB de memória RAM! Uma superpotência em tablet.

Uma das novidades do Galaxy Note 10.1 é que já vem com o Photoshop Touch que dá pra fazer verdadeiros milagres em suas fotos e imagens. Ótimo para quem atualiza Instagram e Facebook através dele.

Aí você se pergunta, mas como usarei esse programa? Simples! Com a caneta que acompanha o tablet. Essa é uma das grandes inovações do modelo 10.1, ele vem com essa caneta o que torna o uso MUITO mais fácil e preciso para diversos programas. Dá pra escrever ou desenhar e o mais gostoso disso tudo é que quando o tablet sente a caneta, os estímulos de pressão da mão são rejeitados então não há conflitos.

Galaxy Note 10.1

Outro recurso que achei interessante é que pode-se ‘dividir‘ a tela em dois e usar outros recursos. Teste com o browser e o bloco de notas, já que vira e mexe pesquiso assuntos interessantes para o blog e gosto de anotar tópicos interessantes e auxilia mesmo o  trabalho. Para estudantes é uma ótima forma de estudar e pesquisar temas para os trabalhos da faculdade.

De quebra ainda tivemos um show com a banda Titãs para finalizar a noite! Logo depois do show foram sorteados 4 Galaxy Note 10.1, mas infelizmente não ganhei! Olha que ficaria muito feliz com um desses, já que seria perfeito para atualizar nosso blogay de forma simples e rápida!

Galaxy Note 10.1

Queridos leitores, façam um vakinha e nos deem de presente um Galaxy Note 10.1, ficaremos MUITO FELIZES!

Mãe, eu sou gay!

Olá meninos do blog!!! Sou leitor assíduo do DQOGG a mais ou menos uns dois anos, quando tive minha primeira experiência com um garoto e buscando achar algumas respostas as minhas duvidas encontrei vocês, e desde esse dia não deixei de acompanha-los. Enviei uma vez uma pergunta a vocês e a opinião que me deram me ajudou muito em meu problema.

Mas agora, preciso de mais algumas dicas, pq o assunto é família… gosto muito de sair e recentemente comecei a namorar um cara maravilhoso que está me fazendo muito feliz. Gosto muito de sair pra boates e casa de amigos e com certa frequência durmo fora de casa. Agora, namorando… durmo mais fora ainda, pq fico na companhia do meu amor.

O que acontece é que minha familia não sabe da minha sexualidade (ou pelo menos finge não saber), e sempre que tenho q sair acabo contando alguma história e não falo realmente o que acontece e pra onde vou. Isso está me deixando muito chateado pq nao gosto de mentir pros meus pais e queria muito falar sobre meu namorado e sobre meus amigos, que são amizades muito saudáveis.

Resolvi que semana que vem trago meu namorado aqui em casa pra ver se acalmo meus pais (vou apresentá-lo como amigo), pois eles sempre falam q não conhecem esses meus amigos e acho q por isso eles se preocupam tanto. Alguns dias depois de conhecerem o meu amor e verem q ele é bacana, pretendo bater a real e falar que sou gay e que aquele rapaz que veio a nossa casa outro dia é meu namorado.

Eu sinceramente não acho que minha família irá me bater ou expulsar de casa ou fazer essas outras coisas horrorosas que outras familias malucas fazem, mas tenho medo pq sei que meu pai ficará muito triste. E mesmo que algo de ruim aconteça… ainda assim posso me virar pois tenho emprego, embora não ganhe bem e não possa dizer que sou independente, eu consigo me virar .

O que queria era uma ajuda de como vocês acham que devo conduzir esse assunto, aqui em casa certos assuntos como  homossexualidade por exemplo não são muito comuns.

Aqui não é programa da Xuxa mas eu quero mandar um beijo pra vocês do blog, um pra Xuxa outro pra Sasha e um especial pro meu amor que eu gentilmente apelidei de Deby Neto.

Obrigado!!!

Leandro, 21, Goiânia/GO

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Mãe, eu sou gay!

Assumir pra família é geralmente complicado, porque sempre temos medo da  reação deles quanto a nossa sexualidade, mas pelo que você nos conta não será tanto problema e forma como você pensa em sair do armário é uma das mais adequadas: preparar antes de assumir. Talvez você seja uma ferramenta para que o assunto homossexualidade seja mais discutido e aceito por seus familiares. Até porque você mesmo nos diz que eles já devem saber que você é gay.

É ruim quando temos que nos esconder e mentir para as pessoas que amamos com quem namoramos ou para onde vamos. A família deve ser aquela que nos ajuda e apoia em tudo que fazemos, nos dá as broncas quando estamos errados e conselhos quando estamos perdidos e viver mentindo realmente quebra um pouco esse relacionamento. Entendo seu lado.

Faça como falou: apresente seu namorado como seu amigo no começo e depois, com o tempo, eles vão entender que vocês não são apenas amigos, porque as pessoas não são bobas [as mães muito menos] e com certeza notarão a forma como se olham, agem e se tocam… é diferente com um amigo.

Se eles tocarem no assunto respire funde e conte. Aconteceu isso comigo, vou contar:

Quando tinha 16 anos namorava um cara pouco mais velho que eu, e fazíamos tudo juntos. Vira e mexe ele dormia na minha casa e como não tinha uma cama de casal ele dormia comigo na minha cama de solteiro. Foram alguns meses assim, apresentando ele como amigo e quase todos os dias ele passava em casa de carro e dávamos um volta [pra transar, claro]. Quando terminamos fiquei arrasado e minha mãe percebeu que estava triste e o meu ex não aparecia mais em casa. Ela veio me perguntar o que tinha acontecido e disse que havíamos brigado. Minha mãe que não era boba emendou a pergunta bombástica: ‘Ele é só seu amigo?‘ Na mesma hora eu disse que éramos namorados e comecei a chorar. Ela com toda a tranquilidade do mundo disse que me amava de qualquer jeito e que ‘quem sabe um dia não voltaríamos na namorar‘, ‘Que brigas nos relacionamentos acontecem‘ e mais um monte de coisas. Não voltei com meu namorado, mas pelo menos contei que sou gay e não me arrependendo porque alguns meses depois ela morreu de leucemia e ficaria arrasado se ela não soubesse que sou gay’.

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Leia também:

#VEM GENTE: Manifestação contra o apoio de André Almada ao ‘Tá Russo Mano’

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Transcrevo uma atualização do Facebook do amigo Leandro Caracortada, onde fala um pouco sobre o apoio de André Almada ao candidato Celso Russomano, abertamente mancomunado com a bancada evangélica. Concordo com o Leandro, quer conversar sobre direitos gays procure o movimento social, não os empresários da noite.

Leiam e pensem a respeito:

Sobre o supost apoio de André Almada a Celso Russomano

“Afinal, ele foi a um clube gay conversar com gays sobre os direitos dos gays”, disse o empresário André Almada, dono da The Week e da The Society ao Vitor Angelo do Blogay (http://migre.me/aNVB7).

Em primeiro lugar, quem quer falar sobre “direitos gays” procura o movimento social, e não empresários. Em segundo, quem procura empresários quer tratar de assuntos comerciais (e capitais), e não direitos civis. E, em terceiro, quem não apoia não tira foto.

Não é de hoje que Almada deixa claro quais são suas reais intenções sobre o movimento LGBT. Assim como Douglas Drumond, ele é um dos entusiastas de que a Parada do Orgulho LGBT de São Paulo – APOGLBT deva ser coadministrada pelo setor privado e que a participação do público seja limitada sob a venda de abadás.

Desde 2008, Almada lidera o boicote da participação dos estabelecimentos na manifestação e, em 2010, participou de uma tentativa de golpe encabeçada por Drumond para tomar a diretoria da APOGLBT à força.

Em contrapartida, todos sabemos quais interessem são atendidos pelo projeto político da candidatura de Russomano e, entre eles, está a inviabilização das realizações do movimento LGBT, afetando diretamente a Parada e toda a polêmica que a envolve, como, por exemplo, sua realização na Avenida Paulista.

Sendo assim, Russomanno também atende diretamente os anseios do empresariado GLS (que, na maioria, está cag***do e andando para seus clientes) e não tenho dúvida de que, além da facilitação de alvarás, um suposto controle sobre a Parada Gay foi a moeda de troca para este apoio.

Sendo assim, amig@s, convido tod@s a aderirem à manifestação e a NÃO FINANCIAREM NOSSOS PRÓPRIOS PERSEGUIDORES através de suas comandas da boate: DIGAM NÃO AO “GRUPO THE WEEK”!

>>>

Acontecerá uma manifestação em frente a The Society no sábado! TODAS CORRE PRA VER!

The Society
Rua Marquês de Paranaguá, 329 – Consolação, 01303-050 São Paulo

Sou gay e minha família é preconceituosa. O que faço?

Oi, meu nome é Rayan, sou gay mas não sou assumido. Na minha família todos são preconceituosos, principalmente minha mãe. Como posso contar isso pra ela? O que eu faço?

Rayan, via e-mail

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Olá Rayan,

Assumir para a família na maioria das vezes é complicado, nem todos estão preparados ou conhecem a homossexualidade e tem uma ideia errônea de como as coisas são na realidade, mas não se preocupe porque você é novo e tem tempo para prepará-los.

Sei que temos a necessidade de dividir essa parte de nossas vidas com nossos familiares. Quando não somos assumidos para eles parece que somos mentirosos, mas isso não significa que devemos sair do armário quando bem achamos, antes é preciso preparar a família para a ~notícia~ ainda mais quando se tem uma família preconceituosa, como você mesmo disse.

Outra coisa que devemos ter em mente é: O que farei se não respeitarem a minha sexualidade? Quais serão os problemas que enfrentarei? Sempre digo que antes de assumir é preciso se armar com garantias de continuar a ter uma vida plena e feliz caso a família seja problemática em assumir. Sou da opinião que antes de assumir precisamos ser independentes financeiramente, ou pelo menos, quase independentes caso tudo dê errado e a situação fique insustentável em casa.

Uma boa forma de prepará-los é conversando de vez em quando sobre homossexualidade de uma forma despreocupada e sem neuras. Sei lá, se estiver passando algo sobre gays na tv, comente algo sobre e veja qual a reação deles. Isso não é garantia mas é um termômetro de como eles veem a homossexualidade e assim você pode se preparar. Faço isso com seus pais, irmãos, irmãs, tios, tias, primos, primas, cachorro, papagaio… e descubra alguém em quem você possa contar.

Tudo é questão de preparar uma boa estratégia para mostrar que ter um filho gay não é um bicho de 7 cabeças e que ser gay não é desvio mental, espiritual ou de caráter… e outra, vai que eles te aceitam numa boa? Nunca se sabe!

Boa sorte e espero que tudo dê certo querido.

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Leia também:

O casamento gay mais aguardado do ano!

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Lembra que falamos sobre o casamento gay coletivo que acontecerá? Então, a data está chegando! 28 de setembro está logo ai e a cerimônia contará com a ilustre presença de muitos conhecidos do universo gay. Esse casamento é organizado pelo Centro de Tradições Nordestinas, no Bairro do Limão.

A irreverente Silvetty Montilla, a pastora Lanna Holder, o DJ Mauro Borges, Jéssica Angell, Sandra Bull e o reverendo Cristiano Valério.

Todos podem comparecer, o convite é aberto a toda comunidade paulistana, inclusive heteros que queiram ver que toda forma de amor é natural e normal.

Estarei lá para comemorar mais alguns casamentos gays, e quem sabe não ache um convidados dos noivos e noivas para casar da próxima vez que eles realizarem? Nunca se sabe, né? Se você quer me pedir em casamento essa é uma ótima oportunidade!

|Local| Centro de Tradições Nordestinas
|End| Rua Jacofér, 615 – Bairro do Limão

Rainbow Links #18

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Ae galera, mais uma sexta-feira chegou e depois da invasão do @Onifodente, estou de volta para mostrar  vocês o que rolou de melhor nos blogs por aí! VEM GENTE!

Thiago Marzano – Ensaio Jogo de Corpo Masculino

Sai Daqui! – Janela do Sexo

#FimDosTempos: André Almada apoiando candidato evangélico?

[twitter-follow screen_name=’PeagaPenalvez’ show_count=’no’]

Imagem: Facebook

Chegou o Fim dos Tempos! Dezembro de 2012 está próximo e com isso os Cavaleiros do Apocalipse se aproximam para acabar com tudo! Não acreditei quando vi a foto [acima] de André Almada, dono da The Week famosa balada GAY da Lapa, abraçado e todo sorrisos com o candidato Celso Russonamo, candidato da bancada evangélica e abertamente homofóbico em seus discursos.

Como um empresário que vive do Pink Money incentiva e posa para fotos com ser tão repugnante quanto o candidato Russomano?

Sabe porque não mudamos as coisas no Brasil? Porque em sua grande maioria, gays e lésbicas são acomodados na luta por direitos iguais. Preferem se preocupar com a balada do sábado, com o boy magia com que querem transar, com o suplemento novo que lançaram, com a musculação e tudo quanto é coisa fútil ao invés de lutar por algo que realmente vale a pena.

Se sentem protegidos em seus mundos ilusórios produzidos com ecstasy e ketamina e esquecem que a vida é mais do que isso, principalmente a da comunidade gay brasileira.

Infelizmente essa é a realidade paulistana e tenho vergonha de morar em uma cidade onde os gays são agredidos e mortos e onde uma dos maiores empresários do meio gay apoia a candidatura ABSURDA de um prefeito evangélico.

Acorda Alice que isso é bad trip!

[ O lado bom de ter uma blogay que não tem rabo preso com nenhum empresário da noite gay paulistana é isso. Falo o que realmente penso e não preciso me justificar ou puxar o saco de ninguém. Isso é ser blogayro]

>>>>>

A Equipe de Assessoria de Imprensa do empresário André Almada mandou essa nota de esclarecimento para o site RG. Leia a matéria n íntegra aqui.

Sobre a foto que tem circulado pela internet, na qual o empresário André Almada aparece ao lado do candidato a prefeito de São Paulo, Celso Russomanno, explicamos que se trata de um evento realizado na semana passada no clube The Society. Russomanno, apontado por muitos como opositor da comunidade e dos direitos LGBT, foi justamente esclarecer essa questão e apresentar seus planos e projetos pertinentes a esse público. “O que fizemos foi dar direito de resposta e promover um debate saudável. O Grupo The Week, além de promover entretenimento, exerce sua responsabilidade social. Nossas portas estão abertas a todos os demais candidatos‘, afirma André Almada.

Quem acredita nisso uma palma só. Cri Cri