facebooklikebutton.co

Costa Rica um paraíso

Costa Rica um dos países mais gay friendly das Américas! Leia Mais >>>

Kevin Zegers

O lindo de Os Instrumentos Mortais - Cidade dos Ossos Leia Mais >>>

 

Sair do armário com o Facebook

Sair do Armário Facebook

Sair do armário

Sair do Armário Facebook

Dois pesquisadores do MIT [Massachusetts Institute of Technology] realizaram um estudo entre homossexualidade e quantidade de amigos gays no Facebook e afirmam que se a pessoa tem mais de 4,5% de amigos gays no Facebook, é um indício praticamente conclusivo de sua homossexualidade. Essa pesquisa só vale para gays, quanto a nossas amigas lésbicas não há estudos.

O Facebook é uma super plataforma e é fácil classificar o usuário através de centenas de aplicações dessa rede social. A sexualidade de uma pessoa é apenas uma das tantas outras informações que compartilhamos dentro do Facebook. Exemplo disso são algumas empresa que dividem os usuários por perfil sócio econômico, naturalidade…

O Facebook usa todas essas informações para mostrar propagandas voltadas para você, baseados em seus gostos pessoais, nas informações que você coloca e naquilo que você curtiu.

O Facebook de uma certa forma faz você sair do armário? Não conscientemente mas dependendo de como você compartilha suas informações é fácil descobrir.

Sair do armário tem que ser feito na hora que se sente apto e seguro para faze-lo, mas muitas vezes ‘colegas de trabalho‘ curiosos podem descobrir a respeito de sua homossexualidade e te deixar em uma situação complicada.

O preconceito existem nos mais variados lugares, inclusive na vida profissional! Já soube de casos de grandes profissionais que não foram promovidos por serem gays, pelo medo da empresa de ter um representante em algum cargo alto que os ‘envergonhasse‘ com sua sexualidade. Preconceito? Sim, a homossexualidade não é fator determinante de caráter e muito menos profissionalismo.

Eu mesmo quando recebo solicitações de amizade no Facebook, gosto de ver quais amigos tenho em comum com a pessoa. Dependendo dos nomes que aparecem já posso determinar se a pessoa é gay. Será que é porque trabalho com homossexualidade a mais de 5 anos? Talvez meu gaydar seja potente!

Por isso, se você não pensa em sair do armário tão cedo melhor tomar cuidado com o que curte ou compartilha em seu Facebook.

Leia o estudo completo aqui

One Response to Sair do armário com o Facebook

  1. Dam McKinley says:

    Tão eu UHEUHEUHEUHUEHE u-u

Leave a Reply

Facebook

Twitter